Com salários atrasados na saúde, prefeito muda de secretário pela terceira vez

Novo secretário terá dificuldade em atualizar os salários atrasados

Desde janeiro de 2017 Piripiri está sob nova administração. Mas, mesmo depois de 01 ano e sete meses de governança, a atual gestão parece não ter acertado no comando da Secretaria Municipal de Saúde. Com a posse do ex-vice-prefeito Eutrópio Monteiro, já se soma três secretários em menos de dois anos.

Na contramão do jogo das cadeiras, está a população que sofre com o caos na saúde municipal. Diariamente recebemos denúncias dos munícipes a respeito da falta de médico, remédio, estrutura dos postos de saúde, consultórios dentários, dentre outras demandas.

Ontem, 11/07, Antônio Carlos foi exonerado do cargo de secretário da secretaria municipal de saúde (SESAM) pelo prefeito Luiz Menezes. O ex-secretário deixa salários atrasos, servidores planejando manifesto e acionando o Ministério Público para denunciarem a situação desastrosa da administração.

Com a posse de Eutrópio, soma-se 3 secretários a ocupar o cargo de secretário da SESAM. Luiz Pereira foi um dos que passaram pela pasta.

O ex-vice-prefeito e agora secretário de saúde, Eutrópio Monteiro, terá uma árdua e difícil missão pela frente.

Monteiro pega uma secretária com salários atrasados, ameaça de manifestação e paralisação, denúncia no Ministério Público, além de postos de saúde sucateamentos, falta de médicos, falta de remédios, sendo assim considerado pelo povo um caos total.

Por exemplo, nossa redação recebeu a denúncia de que o mês de maio foi pago no final de junho.

Em resposta as várias denúncias recebidas pelo Ministério Público, o promotor de justiça, Dr. Nivaldo Ribeiro fará uma audiência pública no próximo dia 17 de julho.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Não copie nosso conteúdo. Utilize um de nosso botões de link e ajude a divulgar o site.